Relato – XXI Corrida Bombeiros

Tempo de leitura: 2 minutos

Depois de três meses só treinando – não encontrei uma prova que valesse a pena participar neste período, domingo foi dia de voltar as ruas para fazer uma prova oficial. A escolhida, foi a corrida dos Bombeiros, no difícil percurso do Ipiranga; corrida que comemora mais um aniversário da corporação, realizada todo mês de julho.

Como estou em treinos para a maratona da Asics, agora no fim de julho, tive que completar um longão de 30k no sábado. Para ajudar, só pude treinar a noite, devido a compromissos; praticamente fiz 40k de prova de ladeira este fim de semana, ja que a planilha de sábado exigia treino de subidas.

Sábado basicamente foi um percurso saindo da Praça da Sé, indo pelo centro em direção a Brigadeiro, Ibirapuera, Helio Pelegrino, Faria Lima até o parque Vila Lobos, subindo pelo alto de Pinheiros até a Dr Arnaldo, fechando os 30km na Paulista. Um treino de pouco mais de 3h, sem contar as paradas ou em farol, ou para reabastecer a mochila – foram 5 litros de água nesta “brincadeira”.

Preparatório para a maratona de SP
Preparatório para a maratona de SP

Antes disto, retirei o kit da corrida de domingo na Decathlon do shopping Lar Center por volta das 10h30, sem filas, coisa bem rápida. Kit bem simples contendo camiseta de manga cumprida e número de peito. O chip (não descartável), só no domingo, antes da corrida.

O restante do sábado foi cochilar para matar os 10k da prova no domingo.

O dia amanheceu claro, tempo aberto, sem nebulosidade e temperatura na casa dos 18 graus, até manga cumprida foi dispensável, para mim algo inédito nesta corrida, que sempre encarava um senhor frio.

Cheguei no local por volta das 6h30, meia hora antes da largada. Tempo de sobra para retirar o kit, fazer um alongamento e partir para mais 10.

A largada foi pontual, 7h foi dado o tiro e iniciou mais uma corrida. Larguei atras com o intuito de não forçar, estava meio inseguro de como seria meu desempenho, pois as pernas ainda estavam pesadas do treino de horas atrás.

Final da prova
Final da prova

O inicio foi o mais do mesmo, muita gente para pouco espaço, e muita gente lenta largando no espaço de gente rápida, o que começou a dissipar logo depois das primeiras pequenas subidas entre os kms 1 e 2. Até o km 5, estava segurando em um ritmo relativamente bom, até entrando na casa dos 4min/km, mas na maioria ficando na casa dos 5min/km. Neste Km, o Raphael da assessoria me encontrou, e fomos até o final. A perna só abriu o bico na subida pouco antes do pórtico de largada, km 7.8 da prova, mas foi uma caminhada de 200 metros para a situação melhorar e seguir para o final, fechando a prova em 54 min, um minuto além do meu melhor tempo, no mesmo local, e 100% em condições. Estimo se estivesse descansado um RP neste percurso, e quem sabe na distância, apesar que esta prova não é para forçar, ainda mais vindo de 30k e a poucas semanas da maratona.

Estrutus da prova em si foi boa, água gelada a cada 3km em média, sem tumultos para o kit finisher, sem o que reclamar.

Semana que vem tem mais um treino prova, desta vez da New Balance, 15k (e mais 17k de treino).

Até lá.

Resultado:

XXI Corrida Bombeiros
XXI Corrida Bombeiros
confirmation_number Número de Peito 776
supervisor_account Modalidade 10k
access_time Tempo Final 00:54:04
hourglass_full Tempo Bruto 00:55:48
trending_up Classificação Total 824
trending_up Classificação Faixa Etária 135
trending_up Classificação por Sexo 749
timelapse Pace Médio 05:17 min/km
timelapse Velocidade Média 11,40 km/h
folder_shared Categoria M3034
help_outline Outras Informações Garmin

Sobre

Guarulhense, desenvolvedor de softwares e soluções web, apaixonado por corridas, fotografia, viagens e muito rock.

//www.diegoronan.com.br