Relato – Circuito Oscar Running Adidas – Etapa Caraguatatuba

Tempo de leitura: 2 minutos

Neste sábado, 14 de novembro, ocorreu a etapa final do Circuito Oscar Running Adidas no Sistema Mustafar. Este relato poderia começar assim, pela temperatura e mormaço que estava no local da prova. Deixando o “universo Star Wars” de lado, Caraguatatuba recebeu a última etapa do circuito, contando com as distancias de 5 e 10k, e cerca de dois mil participantes. Esta foi a última etapa do circuito de quatro corridas que dá direito a uma mandala para os concluíntes das quatro corridas do circuito.

Ilustração da sensação térmica da prova
Ilustração da sensação térmica da prova

Como disse logo na introdução, o sábado foi quente, com temperatura beirando os 36 graus durante o dia, com previsão de virada do tempo, que aconteceu somente uma hora após o término da corrida.

A retirada dos kits se deu no Serramar Shopping, na loja da Oscar, durante o sábado, sem filas. Foi tudo bem rápido e organizado. O kit veio contendo o “padrão”: camiseta, número de peito, chip de cronometragem e materiais de merchandising.

Recebi todas as informações necessárias para a retirada, número de peito e local, por e-mail dias antes, e por SMS no dia. Gostei, facilitou bastante e evitou aquele “procura procura” de última hora.

O restante do dia foi de descanso. Faltando pouco mais de uma hora da largada, me dirigi para o local da prova, na Alameda José Francesconi, Porto Novo. Estacionei a cerca de um quilometro de lá, para evitar um possível tumulto na dispersão pós prova.

Com tempo de sobra, ja fiz o alongamento assim que cheguei, por volta das 19h15. Após isto, restara aguardar a largada, inicialmente marcada para as 20 horas.

Oscar Running Adidas
Oscar Running Adid

Por volta das 20h15, e com a temperatura ainda acima dos 30 graus, fora iniciada a corrida. Largando praticamente com o pelotão de elite, consegui manter um ritmo de “corra como se não houvesse o amanhã” enquanto o calor permitiu: os três primeiros quilômetros pela orla de Caraguá, a um ritmo médio de 4:40 min/km. A partir de então, o pace só subiu, fazendo a maioria dos quilômetros restantes na casa dos 5 min/km, e cerca de dois quilômetros na casa dos 6 min/km – quando acabei andando em partes, não estava dando.

Hidratação em quatro pontos: km 2 (8, na volta), 4 (6, na volta), com água gelada, foram o suficiente.

Finalizei a prova em 54 minutos, com raios no horizonte, vindos do sul, que anunciara a virada do tempo; bem que poderia ter acontecido uma hora antes!

Talvez com um tempo mais frio, pegasse algo em torno dos 50 minutos, mas gostei mesmo assim, considerando que não ando treinando com tanta intensidade desde a Matarona do RJ, e não fazia uma prova oficial desde a meia da Asics, que ocorreu há três meses.

O pós prova foi bem organizado, com uma dispersão rápida e tranquila, sem tumultos.

Resultado:

confirmation_number Número de Peito 1238
supervisor_account Modalidade 10k
access_time Tempo Final 00:54:18
hourglass_full Tempo Bruto 00:54:28
trending_up Classificação Total 209
trending_up Classificação Faixa Etária 37
timelapse Pace Médio 05:25 min/km
timelapse Velocidade Média 11,08 km/h
folder_shared Categoria M3034
help_outline Outras Informações Garmin

Sobre

Guarulhense, desenvolvedor de softwares e soluções web, apaixonado por corridas, fotografia, viagens e muito rock.

//www.diegoronan.com.br