Relato – 49ª Sargento Gonzaguinha

Tempo de leitura: 1 minuto

Neste domingo, 13 dezembro ocorreu na Escola de Educação Física da Policia Militar, em São Paulo, a 49ª edição da Corrida Sargento Gonzaguinha, com os corredores optando entre as distâncias de 15 km ou 5 km.

A retirada do kit ocorreu somente no sábado dia 12, no mesmo local da prova. Retirei o kit por volta das 11h. A dificuldade foi parar próximo ao local para que pudesse acessar a escola.

O kit veio contendo camiseta, número de peito e chip de cronometragem. O resto do dia foi de descanso, e aguardar a prova no dia seguinte.

Com alargada marcada para às 7h30 deixei para acordar as seis horas amanhã. Tempo suficiente para me trocar e tomar café da manhã. Assim que pronto, sai rumo ao local da prova às 7h00.

Por volta das 7h30, estacionei o carro. Mas um problema: estava bem longe do local da largada, devido aos bloqueios da prova, a cerca de 2 km, próximo a ponte da Vila Guilherme, e o inicio da prova estava marcado para as 7h30. Tive que trotar quase 2 km até o pórtico de largada, que, quando cheguei, já estava sendo desmontado. Comecei a prova sem tempo oficial.

Mantendo um ritmo fraco conseguiu alcançar o último na altura do Sambódromo, ainda na marginal, a partir daí foi curtir a prova.

Não encontrei um posto de hidratação pelo percurso com água fria, e o sol estava pegando forte.

E foi assim até o final da prova mantendo um pace de 6:20min/km, caçando sombras, e finalizando a prova em 1h36 – a mesma estimativa de tempo e distância que tenho para a São Silvestre.

Semana que vem tem mais!

Resultado:

49ª Sargento Gonzaguinha
49ª Sargento Gonzaguinha
confirmation_number Número de Peito 2557
supervisor_account Modalidade 15k
access_time Tempo Final 01:36:42
hourglass_full Tempo Bruto 01:58:30
timelapse Pace Médio 06:26 min/km
timelapse Velocidade Média 09:30 km/h
folder_shared Categoria M3034
help_outline Outras Informações Garmin

Sobre

Guarulhense, desenvolvedor de softwares e soluções web, apaixonado por corridas, fotografia, viagens e muito rock.

//www.diegoronan.com.br