Poluição x Corrida

Tempo de leitura: 1 minuto

Nós sabemos que muitas pessoas entram na atividade física por indicação médica e um grande percentual desses pacientes são pessoas que sofrem de problemas respiratórios como, bronquite asma, sinusite e alergias.

Como sabemos, a poluição é inimiga de qualquer um que visa ter uma boa qualidade de vida. São vários sintomas, que vão desde uma leve tosse a uma doença respiratória crônica.

Atualmente cresce o número de pessoas que buscam atividade física como antídoto de bem estar e qualidade de vida. Muitas dessas pessoas já sabem que a atividade física serve como primeiro medicamento.

Aqui em São Paulo, como em qualquer metrópole, a carência desta prática saudável se dá por causa da poluição, que em uma matéria recente de uma revista de grande circulação e confiabilidade publicou que só o fato de morar na capital paulista equivale a fumar 2 cigarros por dia, e quem circula em vias de muito trafego diariamente fumaria quase 5 cigarros sem saber.

Os especialistas na área de saúde e meio ambiente afirmam que os exercícios físicos freqüentes trazem benefícios mesmo que feitos em locais muito poluídos, pois a atividade física ajuda o organismo no processo anti-inflamatório, protegendo nosso corpo de alguns males e efeitos não só da poluição mas de algumas doenças.

A poluição vem aumentando e quem faz atividade ao ar livre deve seguir algumas recomendações para evitar o excesso de poluição inalada.

Procure não treinar no período das 10h00 as 16h00. Neste período o ar se encontra muito seco.
Evite treinar em lugares que tenham alto trafego de veículos.
Procure fazer seu treino em lugares com muito verde.

Tome bastante água, no mínimo 2 litros diários. A hidratação é essencial.
Não da para mudar de trabalho, escola, região ou cidade por causa da poluição, mas podemos minimizar seus efeitos!

Comente no Fôlego ou no twitter @jrdelia

Abraço

Jr D’Elia

Fôlego

Sobre

Guarulhense, desenvolvedor de softwares e soluções web, apaixonado por corridas, fotografia, viagens e muito rock.

//www.diegoronan.com.br