Domingo foi dia de mais uma edição da corrida que comemora o dia dos Bombeiros, realizada pela Corpore pela décima nona vez.

Contando com a presença de quatro mil participantes, o percurso se deu a longo das avenidas entorno ao Parque Independência, em São Paulo.

Como havia a opção e não tive tempo para tal, deixei para retirar o kit no próprio domingo. Portanto tive que acordar um pouco mais cedo que de costume para uma largada as 7h30. Saindo de casa pouco antes das seis da manha, deu tempo ainda de uma passada rápida na padaria para um expresso e pão na chapa antes de chegar no entorno do parque.

Chegando por volta das 6h40, estacionei na rua Agostinho Gomes (referência para um próximo ano), a cerca de três quadras do parque - local que abrigou a estrutura da prova. Para retirar o kit foram duas filas: uma da confirmação, para quem não tinha o número de peito impresso e a outra da retirada em si. Demorou cerca de quinze minutos ambas etapas. Com o kit em mãos, foi alongar partir para mais uma corrida de 10km. O kit, diferentemente das outras vezes, trouxe o chip descartável, além de vir composto por uma camiseta manga longa, número de peito, informativos da corpore e materiais de merchandising.

Ainda com tempo de sobra, deu para tirar bastante fotos do local do evento, só indo para o local da largada pouco depois do inicio da mesma, saindo com a “galera do fundão”.

O dia amanheceu frio, apesar do sol presente e sem nuvens, foi ótimo para impor um ritmo forte na prova.

Percurso pesado, com ponto de hidratação com água gelada a cada 3km, foi mais que o suficiente para a prova. Prova que, apesar das subidas, finalizei em 53 minutos, ficando encostado com minha melhor marca pessoal e baixando o tempo do percurso em cinco minutos.

Resultado:

Bombeiros

  • Número de Peito: 3841
  • Tempo Final:  00:53:21
  • Categoria:  M2529
  • Modalidade:  10k
  • Tempo Bruto:  01:00:31
  • Classificação Total: 1268/4008
  • Classificação por Faixa Etária:  84/217
  • Classificação por Sexo:  1178/3107
  • Pace Médio:  05:20 min/km
  • Velocidade Média Total: 11,40 km/h
  • Informações Gerais: Garmin

Neste domingo frio de maio, foi realizada a primeira edição da Meia Maratona da Mizuno, a exemplo da Golden Four da Asics, prometendo um padrão de organização internacional, com distancia única de 21K.

Mizuno 21K

A retirada dos kits se deu unicamente no sábado, dia anterior da prova, em uma arena montada no Jockey. Fiz a retirada logo de manhã, antes do curso, por volta das 8h30. Kit de qualidade boa: camiseta, um numero de peito enorme, viseira, materiais da prova, chip de cronometragem, sache de gel, fizeram parte do mesmo.

O único ponto que vi com problemas, foram as instabilidades no sistema de retirada. Toda hora saia do ar, que fez com que causasse filas e alguns transtornos. Fora isto, nada de diferente do que vemos em corridas digamos, sem um conceito, do meio.

Domingo amanheceu com tempo chuvoso, frio, com temperatura batendo na casa dos 15 graus. Acordei as 5h15min para sair das 6h da manha de casa (largada marcada para as 7:30). Após o café da manhã a base de carboidrato, parti para o Jockey, de onde seria dada a largada.

Mizuno 21K

Cheguei na região pouco antes das 7h, deixei o carro ao lado do Parque do Povo e fui a pé para o Jockey Clube, longe dos flanelinhas que dominam a região, ja que não há fiscalização e policiamento para coibir.

Chegando por volta das 7h10 no Jockey, foi tempo para um alongamento e partir para mais uma prova.

Devido ao tempo frio, fiz a corrida com mentalidade para buscar tempo, quem sabe um sub 2? A largada foi dada pontualmente as 7:30, saindo do Jockey, em direção da Ponte Cidade Universitária, fazendo um caminho diferente do habitual; passando pela Ponte Cidade Universitária, chega a Praça Pan-americana, onde tivemos que fazer duas idas e volta até o Parque Vila Lobos, retornando para o Jockey e repetindo o percurso da ida. Em frente ao Jockey, mas quatro idas e voltas, para completar os 3K’s restantes.

Mizuno 21K

Todo esse vai e vem acaba cansando mentalmente, tornando o percurso chato, e as curvas atrapalham a performace, visto que toda hora tinha que reduzir para pegar uma mais fechada.

Tirando este peso mental, consegui ir forte até a metade do percurso e apertar mais o pace na segunda parte da prova e conseguir cravar a marca de 2 horas, considerando ainda o tempo que estou sem fazer treinos específicos para meia maratona, conseguir minha melhor marca em meias foi sensacional.

Pontos de hidratação a cada 2km, um ponto de distribuição de gel, dois de esponja (ida e volta), e dois Gatorade (também o mesmo ponto cobrindo ida e volta), sem o que reclamar.

Só fica a reclamação mesmo pelo percurso ser muito repetitivo. Gostei da parte social, com divulgação de fotos e previas de quilometragem e tempo. Mas ainda pode ser bem melhorado este quesito. Pelo menos o início foi dado.

Resultado:

Mizuno 21K

  • Número de Peito: 1609
  • Tempo Final:  02:00:14
  • Categoria:  M2529
  • Modalidade:  21k
  • Tempo Bruto:  01:01:29
  • Classificação Total: 1999
  • Classificação por Faixa Etária:  1669
  • Pace Médio:  05:37 min/km
  • Velocidade Média Total: 10,70 km/h
  • Informações Gerais: Garmin

Neste domingo, dia 18, foi realizada mais uma edição da corrida Tribuna de Santos, tradicional corrida de 10k que ocorre pelas ruas da cidade.

Optei por receber o kit da prova via correios, pela praticidade de não precisar ir retirar, como na edição que participei, na Sé no meio da semana, mesmo pela falta de tempo para faze-lo. Kit que chegou ha duas semanas, contendo revista da corrida, chip, numero de peito e camiseta. Camiseta que poderia ser de melhor qualidade, ainda mais por se tratar de um kit relativamente caro.

Devido ao curso de fotografia, optei por descer para Santos no próprio domingo, antes da largada. Exigiu que dormisse cedo e madrugasse. Quatro e trinta da manhã, de pé, tomei um café da manhã e desci, com meu pai, para o litoral, chegando na cidade por volta das 6h30 da manhã, parando na Av Marechal Floriano Peixoto, bem próximo a Av. Ana Rosa, local bem próximo a chegada e de onde partiriam as linhas circulares que levavam os corredores ao ponto da largada, o detalhe do ônibus só descobri chegando la, ao acaso.

Pegando o ônibus as 7h, e 7h15 no local da largada, tive a infelicidade de descobrir que havia deixado meu frequencímetro na mochila, dentro do carro. Estava com o celular, mas sabemos que não é a mesma coisa, a mesma precisão. Acabei ligando para meu pai levar o dito cujo para mim, na largada, chegando a mim as 7:50, faltando 30 minutos para a largada, as 8:20.

A largada foi organizada por ondas, com as ruas e bloqueios fazendo os acessos para as cores dos números de peito que ditam o ritmo de cada corredor. Sistema muito bom e que deveria ser copiado em outras provas, principalmente as importantes como Meia, Maratona e São Silvestre.

Fiquei no primeiro pelotão, e sai na primeira wave, logo depois da elite feminina.

O tempo estava nublado, abafado. Acabou pesando um pouco este calor, mas consegui impor um ritmo legal, na casa dos 5:30 a 6 min/km durante todo o percurso. Percurso em si plano, sem muita dificuldade; talvez o mesmo no frio, faria na casa dos 50-54min.

Pontos de hidratação com agua gelada a cada 2km, perfeito! Dois pontos com musica, sendo um com um DJ e outro com banda mandando um rock animaram a corrida, e o publico, como sempre, presente, principalmente nos 5kms finais da prova. Uma das poucas provas, ao lado da São Silvestre, que a população da cidade assiste, brinca, passa um clima legal.

Corrida fechada em 58 minutos, dentro do esperado. É uma 10k obrigatória de participar, pelo clima e ainda pela facilidade de acesso, do lado da capital.

Ainda consegui tomar banho na academia que fica ao lado da chegada =)

Semana que vem tem meia! Ja nos preparativos, até lá!

Resultado:

Tribuna Santos

  • Número de Peito: 6095
  • Tempo Final:  00:58:31
  • Categoria:  M2529
  • Modalidade:  10k
  • Tempo Bruto:  01:03:21
  • Classificação Total: 3837
  • Classificação por Faixa Etária:  439
  • Pace Médio:  05:51 min/km
  • Velocidade Média Total: 10,25 km/h
  • Informações Gerais: Garmin

May the force be with you! Domingo, 4 de maio (may, 4th), foi dia de uma corrida de celebração da saga Star Wars, com percurso único de 6k, representando até então os atuais seis episódios da franquia.

Corrida noturna, com um clima Geek, acabou apresentando a muitos - boa parte, sedentários - o mundo das corridas.

A retirada dos kit se deu nos três dias anteriores a prova, na livraria cultura do Shopping Iguatemi. Fiz a retirada no sábado por volta do meio dia, retirada bem rápida, sem quase ninguém no local, atendimento imediato. Kit veio contendo o chip, numero de peito, materiais de merchandising, uma mascara de Stormtrooper bem simples e camiseta.

A concentração para a prova se deu ao lado do memorial da América Latina com inicio as 22 horas do sábado, com musica, telões exibindo cenas do filme e vários fantasiados no local para fotos.

Cheguei por volta das 23 horas, a uma hora da largada. Encontrei o Guilherme que fez sua estreia em corridas, alem de outros amigos.

A organização fez um bloqueio no local onde só inscritos acessavam a arena e tendas, quem acompanhava teve que esperar do lado de fora. Por conseqüência disto, acabou se formando um publico para assistir a corrida, ficando “diferente” principalmente o final da prova, aonde se concentrava mais gente.

Tempo para alongar e esperar o inicio da prova, que aconteceu as 0h de domingo. O percurso se deu saindo do memorial em direção ao minhocão, onde corremos cerca de 5km (ida/volta) no viaduto e completamos o trajeto retornando para o memorial.

Pela distancia curta, quis fazer meu menor tempo possível. Peguei muito trafego no começo da prova e assim que pegamos o viaduto, fui cerca de 1,5km na contra mão, só sai quando a elite vinha se aproximando. Isso ajudou a livrar bastante o cainho.

Notei bastante gente pelo caminho sendo atendida por equipe medica. Pessoal que esquece que correr não é só calçar um tênis e sair por ai…

Evento no geral bom, pelo valor da inscrição poderia ter uma camiseta de melhor qualidade, medalha melhor trabalhada, entre outros detalhes. Valeu pela brincadeira e pelo ótimo ritmo alcançado na prova (abaixo de 5min/km).

Resultado:

Star Wars

  • Número de Peito: 2061
  • Tempo Final:  00:29:29
  • Categoria:  M2529
  • Modalidade:  6k
  • Tempo Bruto:  00:35:15
  • Classificação Total: 330/3740
  • Classificação por Faixa Etária:  62/461
  • Pace Médio:  04:54 min/km
  • Velocidade Média Total: 13,20 km/h
  • Informações Gerais: Garmin

Neste domingo ocorreu a 15ª edição de meia maratona de São Paulo, com organização da Corpore, contando com a presença de 5 mil corredores divididos entre as distancias de 5k e 21k, correndo pelas ruas da cidade universitária em uma manhã fria na capital.

A retirada dos kits se deu em duas lojas da O2, a principal patrocinadora do evento, permitindo a escolha da opção que mais próxima para cada um retirar seu kit de maneira mais facil, a exemplo do ocorrido com a prova “Record nas ruas” - Trofeu Zumbi dos Palmares, no ano passado.

Foram disponibilizados para a retirada dois dias: 11 e 12 de abril. Deixei para o sábado a tarde, por volta das 14 horas. Não havia muita gente no local, certa fila mas estaria com o kit em mãos em menos de cinco minutos, kit que veio composto por toalha, squeeze em forma de bag, camiseta e uma sacola, além do número de peito e chip de cronometragem. O restante do sábado foi para planejar horario de chegada, local para deixar o carro (salve o relato de 2013 que foi de grande valia quantoa este ponto - Rua Alvares Florence para 2015), e tirar algumas fotos que vinha planejando, além de organizar as tralhas para domingo.

Domingo acordei por volta das 5h30. Depois de um começo de ano com recordes de temperaturas altas e tempo seco, chegou o outono juntamente com o frio, com uma temperatura de 18ºC momentos antes da largada, mas sem a chuva que prometera para durante a prova. Saindo de casa as 6, fui com minha amiga, Amanda - que usou a meia como treino, por todo o percurso da prova.

Chegamos na cidade universitária, local da prova, a cerca de 15 minutos da largada. Tempo curto para alongar, acessar o pelotão e partir.

Diferentemente do ano passado, a largada não foi por “ondas”, mas em pelotão único, as 7h30min.

O percurso transcorreu da cidade universitária em direção ao jockey, até o acesso do mesmo, retornando em rumo a ponte da cidade universitaria. Atravessando a ponte, nos dirigimos pelas ruas em direção ao Parque Vila Lobos, e, dele, retornando a cidade universitária, completando os restantes 9km dentro da USP.

Pontos de hidratação, o suficiente. Alguns com água gelada, mas a maioria em temperatura ambiente.

Não tenho treinado muito para distancias longas, fui em um ritimo confortavel para completar a prova, portanto tempo foi o de menos. Só senti uma dor nas costas, talvez por postura ou treino de musculação propriamente dito, por volta do km 18, e tão forte que fez com que parasse de correr para me alongar, mas passou.

Prova finalizada em 2h17. Que venham as próximas!

Resultado:

Meia Corpore

  • Número de Peito: 1366
  • Tempo Final:  02:17:33
  • Categoria:  M2529
  • Modalidade:  21k
  • Tempo Bruto:  02:23:29
  • Classificação Total: 2538
  • Classificação por Faixa Etária:  102
  • Pace Médio:  06:31 min/km
  • Velocidade Média Total: 09,20 km/h
  • Informações Gerais: Garmin